quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Xadrez joga-se em qualquer lugar


No passado domingo, no parque infantil que fica junto ao Tejo, no Barreiro assisti a uma cena muito gira. Uma demonstração de xadrez improvisada para os miúdos verem como se joga. O clube de xadrez do Barreiro fica mesmo ao lado do parque e pude ver a passarem uma mesa com tabuleiro pela janela para depois entusiasmarem os miúdos. A minha filha também foi espreitar. Uma boa iniciativa.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

BD Amadora 2013

Mais uma edição do Festival de Banda Desenhada da Amadora. Fui no passado sábado ver o ambiente e comprar um livro ou dois.
Este ano das exposições presentes, há a destacar a do ilustrador Ricardo Cabral que foi o autor que fez o cartaz desta edição de 2013. 



Uma exposição interessante é sobre o projecto do Goethe Institut "Comic Transfer" um intercâmbio de artistas de banda desenhada que uniu diversos artistas europeus em torno do tema “A cidade” em 2012.



Uma exposição sobre os 75 anos do Super-homem com o super-heroi em diversos formatos e a sua evolução. Nunca foi muito adepto dos comics norte-americanos mais da BD Europeia, mas vejo com curiosidade este universo que ainda tem sucesso no cinema. 


Exposição do "Dog Mendonça e Pizzaboy"...


"Faz tu mesmo", uma exposição da editora Planeta Tangerina....


Aspecto geral dos stands das editoras e ao fundo sessões de autógrafos...



Ainda desenhei a minha pequena a brincar. Ficou mais comprida que na realidade.
O espaço está muito bom para os miúdos.



sexta-feira, 18 de outubro de 2013

O Mundo tem muita informação


De facto o mundo em que vivemos cada vez corre mais depressa. Passamos por estes dias como se sentíssemos que estamos a viver acontecimentos que vão marcar a história. Comparando com a década anterior, os anos 90 parecem agora uma rotina. Neste momento presenciamos mudanças radicais nos hábitos de vida, nas mentalidades. Crise, poupança, tecnologia, redes sociais... 
Como se estivéssemos a tão grande altitude que conseguimos ver a curvatura da Terra. Parece que está tudo mais perto, um excesso de informação vinda de todo o mundo e torna-se difícil digerir tudo.
O melhor é ver os telejornais dia sim, dia não, optar por ler as notícias que não surgem nas primeiras páginas. Estar em silêncio um momento por dia, ler um bom livro e conseguir limpar um pouco a cabeça. Desenhar é também um prazer que me clareia as ideias e me faz melhor observador do que se passa na rua e não só num monitor.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

44º Encontro Urban Sketchers na Av. Roma, Lisboa


Fabuloso o dia para desenhar. Um domingo de sol para um grande encontro de desenho. Foi bom rever algumas caras, conversar um pouco e ir ao desafio de desenhar, no meu caso o cruzamento da Av. João XXI com a Av. de Roma. Fiz apenas um desenho que me levou um bom bocado de tempo, sentado na entrada de um prédio e com os olhares de quem saía e entrava no edifício.