Assalto aos Aeroportos Europeus

No dia de Natal, vi as imagens de passageiros que dormiam no chão dos aeroportos de Londres. Já é difícil o tempo que perdemos num terminal de voos, mas passar o Natal assim é horrível. Imagino as pessoas a telefonarem para os familiares, a comerem sandes de queijo e a beber cafés de máquina enquanto esperam por um avião que levante voo no meio dos nevões.


Estão sempre a fazer pouco da organização latina dos países candidatos à ajuda do FMI, mas desta vez foram os aeroportos franceses, ingleses e alemães a mostrarem a péssima hospitalidade e organização, numa das quadras de Natal mais frias dos últimos anos. Nem o John McClaine teria um tratamento tão mau no filme "Assalto ao Aeroporto".
A realidade ultrapassa a ficção e sem o uso de armas, temos centenas de aviões parados, "reféns" a comer sandes e no chão, as autoridades impotentes face às exigências da neve e do gelo e sem autocarros ou comboios para evacuar as pessoas.

Se os invernos continuarem a ser mais frios, optem pelo Natal no dia do nascimento de Jesus, que seria a 17 de Abril, conforme vi num documentário. E ainda por cima 6 anos antes. Assim, estaríamos em 2016 e provavelmente livres da crise, mas isto são outras loucuras.

Comentários

hfm disse…
Henrique gostei do desenho mas a prosa excelente. Somos muito fraquinhos mas parece que afinal não estamos tão sós|