People and Motion


Esta semana chegou-me às mãos o livro The Urban Sketching Handbook: People and Motion do Gabriel Campanario, fundador dos Urban Sketchers, sobre técnicas e dicas para desenhar as pessoas nos locais onde estão, seja a trabalhar, desporto ou a almoçar.

O livro é muito acessível e com alguns exercícios para fazermos. Vou experimentar alguns deles, gosto muito de desenhar pessoas. Já li livros com as técnicas de desenho académico e gostava de fazer mais formação com modelos ao vivo, mas temos tantos modelos na rua, em movimento, com todo o tipo de expressões e posturas. Acaba por nos acelerar o ritmo de desenho com voluntários por todo o lado e que não respeitam o tempo de espera.
Algumas dicas são muito boas, como integrar o "modelo" no seu cenário e que mais tarde nos dará mais informação sobre o local onde estivémos.
Outra das dicas boas, será a integração das "pessoas" no acontecimento que presenciamos. Um aspecto que sempre procurei fazer nos meus desenhos e irei aprofundar mais. 

Hoje de manhã voltei a treinar o face-a-face que é o mais difícil. E a rapariga apanhou-me mas continuou a escrever. No metro, mesmo ao longe, os meus "modelos" toparam que estava a desenhá-los, sem contar com um tipo que ia ao meu lado a ver tudo. Como se diz desenhar, desenhar, desenhar... e ultrapassar o receio da troca de olhares.

Comentários

Pedro disse…
Grandes experiências.
Eu continuo com dificuldades nesta disciplina.