Povo Unido...

De vez em quando passo por ruas com edifícios mais velhos e cujas paredes ainda têm mensagens políticas. No tempo em que a expressão era divulgada nas paredes, nos cartazes, naquelas pinturas feitas a maior parte das vezes pela ala artística de alguns partidos de esquerda.
Fez parte de uma época revolucionária, das frases a puxar pela alma do povo, da energia popular.
Hoje em dia, ninguém usa este sistema para chamar a atenção pública, os cartazes são menos e a discussão é toda feita na Internet e na Televisão.
Mas, é interessante analisar algumas frases que fizeram sucesso à 25, 30 anos e hoje parecem vazias de conteúdo. Alguns trabalhadores e sindicatos voltaram a pegar nelas para chamar a atenção a estes tempos de crise que passamos. As crises já não são as mesmas. As pessoas dão menos atenção à política e mais ao próprio bolso. Frases como o "Povo unido jamais será vencido" foram vencidas pela individualização das lutas.
Há muitos "povos"... Cada grupo procura chamar a atenção para os seus problemas e não aos da comunidade. Mas é sempre interessante perceber como o "povo" poderá hoje voltar a estar unido. Novos sloganes precisam-se... Não podemos pedir que "Os ricos que paguem a crise", porque é uma crise global e todos sofrem. As Bolsas têm dado grandes prejuízos aos nossos milionários. Apenas podemos reclamar do Estado que não nos ajuda. Mas, se numa coisa o povo está unido é no Estado. O Estado somos todos nós e não podemos lutar contra nós... Podemos lutar sim contra um Estado abstracto, um Adamastor... É mais fácil e descarregamos a nossa ira. O Povo unido jamais... Povo???

Comentários